search
for
 About Bioline  All Journals  Testimonials  Membership  News  Donations


Ciência Florestal
Centro de Pesquisas Florestais - CEPEF, Departamento de Ciências Florestais - DCFL, Programa de Pós Graduação em Engenharia Florestal - PPGEF
ISSN: 0103-9954
EISSN: 1980-5098
Vol. 26, No. 2, 2016, pp. 679-686
Bioline Code: cf16060
Full paper language: Portuguese
Document type: Note
Document available free of charge

Ciência Florestal, Vol. 26, No. 2, 2016, pp. 679-686

 pt USO ENERGÉTICO DE RESÍDUOS MADEIREIROS NA PRODUÇÃO DE CERÂMICAS NO ESTADO DE SÃO PAULO
Lopes, Guilherme de Andrade; Brito, José Otávio & de Moura, Luiz Fernando

Resumo

O uso da biomassa florestal é uma importante alternativa de fonte energética renovável, econômica, técnica e ambientalmente viável, disputando espaço com outras fontes energéticas, mais caras ou não renováveis, tais como gás natural, óleo diesel e GLP. Dentro do setor industrial, maior consumidor de energia a partir de biomassa, destaca-se o segmento de cerâmicas vermelhas, tradicional consumidor de lenha para a produção de energia. Uma considerável parcela de empresas deste setor recentemente passou a utilizar, como alternativa de energia, cavacos produzidos a partir de resíduos madeireiros diversos. A opção por esse tipo de biomassa se deve a quatro principais razões: maior disponibilidade desse material para aquisição no mercado; envolver um importante aspecto ambiental, uma vez que se trata de um material de origem renovável; por proporcionar uma maior homogeneidade durante a combustão, quando comparado com a lenha; e possibilita a automação da alimentação dos fornos. O presente estudo teve por objetivo caracterizar e descrever o segmento de cerâmicas vermelhas no Estado de São Paulo quanto ao consumo de resíduos madeireiros para fins energéticos. A pesquisa por amostragem coletou dados regionais sobre a quantidade e eficiência do uso de resíduos madeireiros como fonte de geração de energia no setor, bem como aspectos tecnológicos, econômicos e logísticos associados ao uso desta biomassa. Estima-se que o uso de cavacos de madeira vem sendo adotado atualmente por cerca de 80% das cerâmicas de porte médio no Estado de São Paulo. Os cavacos são originados de resíduos de serrarias, operações da colheita florestal de pinus e eucalipto, poda de arborização urbana e reciclagem de produtos madeireiros em geral. O raio médio de distância para suprimento dos cavacos até as cerâmicas é de aproximadamente 200 km. As cerâmicas avaliadas compram os cavacos de terceiros a um preço médio em torno de R$ 43,00 por m³. A eficiência média apurada foi de 1,4 m³ de cavaco para cada milheiro de peças acabadas produzidas. As cerâmicas expressaram a necessidade de maior regularidade na qualidade deste biocombustível, que normalmente varia a cada carga recebida.

Palavras-chave
energia; biomassa; bioenergia; mercado

 
 en ENERGY USE OF WOOD RESIDUES IN PRODUCTION OF CERAMICS IN THE STATE OF SAO PAULO
Lopes, Guilherme de Andrade; Brito, José Otávio & de Moura, Luiz Fernando

Abstract

The use of forest biomass is an important alternative source of renewable, economic, technical and environmentally viable energy, which struggles to displace other energy sources that are more expensive or non-renewable, such as natural gas, diesel oil and LPG. Within the industrial sector, which is the biggest consumer of energy from biomass, the red ceramics sector represents a traditional consumer of firewood for energy production. A considerable number of companies in this sector has recently started to use, as an alternative option for energy production, chips made from several different wood wastes. The choice for this type of biomass is due to four main reasons: high availability of material on the market; environmental benefits, since it is a renewable material; higher uniformity during combustion, compared with firewood; and feasibility for implementation of an automatic furnace feeding system. This study aimed to characterize and describe the red ceramics sector in the State of Sao Paulo, regarding the consumption of wood residues for energy purposes. The sampling survey collected regional data on the quantity and efficiency of use of wood residues as a source for energy generation in the sector, as well as on technological, economic and logistical aspects related to the use of this biomass. It is estimated that the use of wood chips is being presently adopted by approximately 80% of medium scale ceramic plants in the State of Sao Paulo. These chips are originated from sawmill residues, forest harvest operations of pine and eucalyptus, urban trees pruning and recycling of wood products in general. The average distance radius for supply of chips to the ceramic plants is approximately 200 km. The evaluated ceramic plants outsource chips at an average price of R$ 43.00 per m³. The average efficiency observed was of 1.4 m³ of chips per thousand finished pieces produced. The ceramic plants reported the need for a better regularity in quality of this bio-fuel, which usually varies for each other load delivered.

Keywords
energy; biomass; bioenergy; market

 
© Copyright 2016 - Ciência Florestal
Alternative site location: http://cascavel.ufsm.br/revistas/ojs-2.2.2/index.php/cienciaflorestal/index

Home Faq Resources Email Bioline
© Bioline International, 1989 - 2018, Site last up-dated on 24-Sep-2018.
Site created and maintained by the Reference Center on Environmental Information, CRIA, Brazil
System hosted by the Internet Data Center of Rede Nacional de Ensino e Pesquisa, RNP, Brazil