search
for
 About Bioline  All Journals  Testimonials  Membership  News  Donations


Ciência Florestal
Centro de Pesquisas Florestais - CEPEF, Departamento de Ciências Florestais - DCFL, Programa de Pós Graduação em Engenharia Florestal - PPGEF
ISSN: 0103-9954
EISSN: 1980-5098
Vol. 27, No. 2, 2017, pp. 521-534
Bioline Code: cf17042
Full paper language: Portuguese
Document type: Research Article
Document available free of charge

Ciência Florestal, Vol. 27, No. 2, 2017, pp. 521-534

 en EVALUATION OF THE NATURAL REGENERATION IN A RESTORATION PLANTING AREA AND IN A REFERENCE RIPARIAN FOREST
Fonseca, Debora Aline da; Backes, Amanda Ratier; Rosenfield, Milena Fermina; Overbeck, Gerhard Ernst & Müller, Sandra Cristina

Abstract

Riparian areas are a recurrent focus of ecological restoration due to their importance for the maintenance of ecosystem services. However, few studies have evaluated the success of active interventions in restoring ecosystem functions and processes. The natural regeneration is a successional process and its evaluation might reveal the state and the potential of the ecosystem resilience in forest areas undergoing restoration. The present study aimed to compare natural regeneration of a riparian area that is undergoing restoration (planting of native trees, 10 years ago) with a reference forest area, in Cachoeirinha, Rio Grande do Sul state, Brazil. We conducted a survey of trees and shrubs in the upper stratum (DBH ≥ 5 cm) and the lower stratum (> 30 cm in height and DBH > 5 cm) in a total of 40 plots (100 m2 each), within the planting (restoration) and the remnant forest (reference). For each stratum and treatment (reference vs. restoration) we analyzed phytosociological parameters, patterns of structure and composition, and similarity among plots. The results showed significant differences in relation to structure and species composition, especially for the upper stratum. For the lower stratum (natural regeneration), abundance, height, and species richness were similar between the restoration and the reference areas. Species composition in regeneration remained distinct. However, its similarity value was higher than any other comparison among strata, indicating that species that were not planted were able to establish in the planted areas.

Keywords
richness; composition; structure; succession.

 
 pt AVALIAÇÃO DA REGENERAÇÃO NATURAL EM ÁREA DE RESTAURAÇÃO ECOLÓGICA E MATA CILIAR DE REFERÊNCIA
Fonseca, Debora Aline da; Backes, Amanda Ratier; Rosenfield, Milena Fermina; Overbeck, Gerhard Ernst & Müller, Sandra Cristina

Resumo

Áreas ribeirinhas são foco recorrente de restauração ecológica, devido a sua importância para a manutenção de serviços ecossistêmicos. Entretanto, poucos estudos têm de fato avaliado o sucesso de intervenções ativas em restaurar funções ou processos ecossistêmicos. A regeneração natural é um processo sucessional, cuja avaliação pode indicar o estado e o potencial de resiliência do ecossistema em áreas sob restauração. O presente estudo comparou padrões de regeneração natural de uma área de restauração ecológica (com plantio de mudas nativas há 10 anos) com a mata ciliar de referência, em Cachoeirinha, Rio Grande do Sul, Brasil. Para tanto, foi realizado o levantamento das espécies arbóreas e arbustivas presentes no estrato superior (DAP ≥ 5 cm) e inferior (altura > 30 cm e DAP < 5 cm), em 40 parcelas de 100 m² cada, considerando o plantio (restauração) e a mata ciliar remanescente (referência). Cada estrato e tratamento (referência vs. restauração) foi avaliado quanto aos descritores fitossociológicos, padrões de estrutura e composição, riqueza e similaridade entre as comunidades. Os resultados demonstraram que a área de restauração apresenta composição de espécies e estrutura diferenciada com relação à referência, especialmente para o estrato superior. No estrato inferior (regeneração natural), o número de indivíduos, a altura média e a riqueza de espécies já não diferiram da referência. A composição de espécies em regeneração ainda foi distinta, porém, esta foi mais similar entre si do que as demais comparações entre estratos, indicando que espécies não plantadas foram capazes de se estabelecer nas áreas de restauração.

Palavras-chave
riqueza; composição; estrutura; sucessão.

 
© Copyright 2017 - Ciência Florestal
Alternative site location: http://cascavel.ufsm.br/revistas/ojs-2.2.2/index.php/cienciaflorestal/index

Home Faq Resources Email Bioline
© Bioline International, 1989 - 2019, Site last up-dated on 12-Jun-2019.
Site created and maintained by the Reference Center on Environmental Information, CRIA, Brazil
System hosted by the Internet Data Center of Rede Nacional de Ensino e Pesquisa, RNP, Brazil